A Toshiba e a Fujitsu deram por concluído o processo de fusão dos seus negócios de telefonia móvel, que se concretizou com transferência das operações da Toshiba para uma empresa entretanto criada e a aquisição da Fujitsu da maior parte das acções, explicam hoje num comunicado conjunto.

Os planos já eram conhecidos, depois de um primeiro memorando de entendimento divulgado em Junho e o anúncio oficial da conclusão do negócio, comunicada a 29 de Julho - altura em que foi apontado o mês de Outubro como a data para início de actividades da empresa criada para reunir as operações das duas companhias.

Denominada Fujitsu Toshiba Mobile Communications Limited Holding, foi criada com um capital social de 450 milhões de yen (cerca de 3,93 milhões de euros), pertencendo 80,1 por cento das acções à Fujitsu e 19,90 por cento à Toshiba.

De acordo com a nota à imprensa, a empresa arranca com "aproximadamente" 350 empregadores no Japão, sendo que as empresas já tinham anunciado em Julho que equipa de cerca de 400 funcionários da unidade de telemóveis da Toshiba seria transferida para a nova joint venture. Aos comandos da nova empresa fica Nobuo Otani, da Fujitsu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.