O YouTube começou a fazer testes para disponibilizar uma seleção gratuita de filmes aos seus utilizadores, suportada pelo mesmo sistema de publicidade que alimenta a plataforma de vídeos. Os filmes ainda não estão disponíveis a todos os utilizadores (ou países), mas desde outubro, segundo a Ad Age, foram avistados diversos títulos gratuitos na respetiva área de aluguer, entre eles O Exterminador Implacável, Rocky e Legalmente Loira, todos assinalados como “Free with Ads”. É referido que a publicidade desaparece para os utilizadores subscritos no serviço Premium.

Trata-se de mais uma tentativa de a gigante tecnológica expandir o seu negócio de filmes e séries televisivas, embora não seja a primeira a oferecer este modelo de negócio. A Vudu, Sony Crackle e a Tubi são serviços (não disponíveis na Europa) que já oferecem estas ofertas de conteúdos em troca de publicidade. Também a fabricante de caixas de conteúdos televisivos, Roku, abriu o seu catálogo de forma semelhante para clientes com e sem a “box”.

Ainda recentemente, o YouTube lançou em Portugal o seu serviço de streaming de música, com dois modelos de negócio: a versão gratuita suportada pelos anúncios publicitários e uma opção premium com uma mensalidade de 6,99 euros, oferecendo a possibilidade de consumir música offline e concorrendo diretamente com serviços como o Spotify.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.