O crescimento acentuado na procura por serviços de rede irá conduzir a um aumento do consumo de largura de banda doméstica de 1.800 por cento até 2009, diz um novo estudo da Jupiter Research. As necessidades domésticas de largura de banda num lar com uma rede wireless irão aumentar dos menos de 3 Mbps registados actualmente para cerca de 57 Mbps no espaço de cinco anos, refere a consultora.



Se em 2004, 7,5 milhões de lares norte-americanos indicaram ter uma rede doméstica com uma parte assente em tecnologia wireless, prevê-se agora, com base nos dados reunidos neste estudo, que o número casas com redes sem fios nos EUA aumente para os 34,3 milhões em 2009.



A partilha do acesso à Internet é a principal razão apontada pelos inquiridos neste estudo para a instalação de redes wireless domésticas, enquanto as fabricantes indicam outras alternativas de crescimento acentuado nos últimos tempos, como o streaming de música do PC para o sistema de som.



O streaming de conteúdos deverá mesmo representar uma das maiores mudanças de comportamento, à medida que os consumidores se afastam dos dispositivos isolados para o armazenamento, gestão e sincronização centralizada dos chamados centros multimédia.



"Para explorar esta tendência, as fabricantes de electrónica de consumo terão que apostar na concepção dos seus produtos como nós always-on de uma rede wireless", indica David Schatsky, consultor sénior da Jupiter Research".



Notícias Relacionadas:

2004-07-06 - TeliaSonera garante débitos de 8 Mbps em serviço ADSL na Suécia

2004-04-14 - O2 Germany desenvolve serviço de banda larga doméstico baseado em 3G

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.