A análise do Barómetro de Telecomunicações da Marktest revela que os portugueses alteraram nos últimos três anos ao factores que mais valorizam na escolha de um telemóvel. Quando em 2004 a principal relevância era atribuida ao tamanho, actualmente os utilizadores dão mais importância à facilidade de utilização.

No trimestre móvel de Setembro a facilidade de utilização foi identificada por 3,5 milhões de portugueses com mais de nove anos como a característica mais importante na escolha de um telemóvel, o que corresponde a 37,4 por cento do universo em estudo.

O preço mantém-se como factor relevante, sendo escolhido por 35,2 por cento dos individuos inquiridos pela Marktest, seguindo-se o tamanho e peso que recolheu 29,4 por cento das respostas, enquanto a autonomia/bateria é apontada por 25,5 por cento dos inquiridos.

O design e a marca do aparelho são importantes para 20,2 e 17,1 por cento dos inquiridos, e a câmara fotográfica para 11,1 por cento, enquanto a utilização das tecnologias avançadas (como GPRS ou Java) é valorizada por 8,4 por cento e a boa captação de rede e a ligação para transmissão de dados são apontados por 3,1 e 2,6 por cento, respectivamente.

Na segmentação por idades é porém possivel apurar algumas diferenças, com as crianças entre 10 e 14 anos a darem maior importância à câmara fotográfica integrada e os jovens entre os 15 e 24 anos a identificarem como mais relevante o design do aparelho.

Notícias Relacionadas:
2007-03-22- Quase metade dos utilizadores de telefone fixo já mudou de operador

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.