Josep Piqué, ministro da Ciência e Tecnologia em Espanha anunciou hoje que as tarifas ligadas ao ADSL vão ser reduzidas em até 10 por cento, de modo a incentivar a proliferação desta tecnologia de acesso à Internet em banda larga no mercado doméstico.



O ministro quer igualmente liberalizar o sector do cabo em Espanha, noticia a publicação online Expansión Directo quando actualmente, o país está dividido em demarcações em cada uma das quais está autorizado o funcionamento de dois operadores: a Telefónica e outro.



O governo espanhol anunciou também que as tarifas praticadas pelos operadores de telecomunicações fixas no país vão baixar 6 por cento este ano, 2 por cento em 2003 e ser congeladas em 2004.



De acordo com o negócios.pt, o corte este ano será mais sentido nas chamadas fixas de longa distância e nas chamadas de fixo-móvel, onde os preços vão cair até 13 por cento.



Apesar de determinar o congelamento das subidas de preços em 2004, o governo espanhol pretende deixar de estabelecer tarifas para a telefonia a fixa a partir de 2005.



Josep Piqué voltou, mais uma vez, a reiterar que "o Governo veria com 'bons olhos' as operações de concentração", referindo-se aos operadores alternativos à Telefónica.



Notícias Relacionadas:

2002-08-26 - Governo espanhol promove consolidação entre operadores de telefonia fixa

2002-07-12 - Piqué ocupa lugar de Birulés no cargo de Ministro espanhol da Ciência e Tecnologia
2002-05-28 - ADSL em Espanha com ritmo de crescimento mais lento

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.