Uma nova pesquisa da empresa de estudos de mercado Juniper antecipa que em 2016 serão vendidos qualquer coisa como mil milhões de telemóveis inteligentes, um segmento que já está hoje a puxar pelo mercado e que tende a afirmar-se cada vez mais como apelativo para o consumidor.



Os resultados do estudo divulgado há dias, apontam assim para um crescimento de 230 por cento no segmento, tendo em conta os valores de vendas apurados em 2010, quando foram comercializados 302 milhões de smartphones.



Para o sucesso crescente dos smartphones contribuirá uma aposta cada vez maior dos fabricantes em produtos low-cost, que tragam os smartphones para um intervalo de preços mais acessível, acredita a analista.



A luta entre fabricantes pelo domínio deste mercado irá travar-se em larga medida ao nível do preço, sendo que em 2016 um terço dos telefones inteligentes comercializados estarão abaixo dos 150 dólares.



Esta aposta será fundamental para fazer disparar a procura de dispositivos inteligentes nos mercados emergentes, onde o poder de compra é menor, acreditam os consultores.



Nas gamas mais altas são identificadas algumas tecnologias que tendem a afirmar-se como elementos incontornáveis nos produtos mais sofisticados do mercado. São elas as near-field communications, o 3D ou as tecnologias biométricas.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.