O sector mundial de telecomunicações promete ajudar o mundo a sair da recessão ao criar 25 milhões de empregos nos próximos cinco anos, caso a regulamentação se torne menos intrusiva e o segmento obtenha as frequências de comunicação de que precisa.

Num apelo dirigido ao grupo dos 20 maiores países industrializados do mundo (G20), cujos líderes estão reunidos em Londres, a GSM Association e outras organizações representativas ligadas ao sector afirmam que os operadores estão preparados para investir 550 mil milhões de dólares em redes de banda larga móvel, o que faria crescer o PIB mundial em três a quatro por cento, num prazo de cinco anos.

"Não queremos um plano de resgate. Desejamos investir", afirmou Michael O'Hara, vice-presidente de marketing da organização, citado pela Reuters.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.