A PT garante que se ganhar o concurso da Televisão Digital Terrestre terá condições para oferecer serviços a partir de Abril de 2009. A empresa detalhou esta tarde a proposta que ontem entregou na sede da Anacom e da qual consta a intenção de cobrir 100 por cento da população com serviços digitais (87 por cento com TDT e 13 por cento via DTH).



A cobertura máxima está prevista para ser conseguida num prazo máximo de 12 meses, no que se refere aos canais de sinal aberto (Mux A) e em 18 meses nos canais de subscrição (Muxes B a F).



Zeinal Bava, presidente do grupo referiu ainda que a PT tem intenções de criar um fundo de 40 milhões de euros para subsidiar os equipamentos que permitirão aos telespectadores ter acesso aos conteúdos digitais. Deste valor 15 milhões vão para os canais gratuitos e os restantes para o serviço de canais pagos, avança o Jornal de Negócios.



No total o investimento da PT na TDT será de 140 milhões de euros.



Notícias Relacionadas:

2008-04-24 - Candidatura da AirPlus à TDT condicionada

2008-04-23 - Portugal Telecom e AirPlus TV entregam candidaturas à TDT

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.