Murteira Nabo, presidente da Portugal Telecom, afirmou hoje na VII Conferência do Diário Económico que o interesse na aquisição da rede fixa de telecomunicações ao Estado se mantém. Este responsável referiu ainda a disponibilidade da PT para comprar a posição que a Cable & Wireless tem na Companhia de Telecomunicações de Macau (CTM) para posteriormente assumir o controlo conjunto com os seus parceiros chineses.



De salientar que neste momento a PT detém 28 por cento da CMT, a empresa chinesa CITIC Pacific cerca de 20 por cento e a Cable & Wireless, 51 por cento.



Segundo informações veiculadas pelo jornal Diário Económico este será um assunto a debater logo após as legislativas, já que a demissão do primeiro ministro António Guterres fez com que a negociação fosse interrompida.



O Presidente da PT afirmou ainda que está a ponderar a abertura da rede da TV Cabo a empresas concorrentes, a qual detém a 100 por cento. No entanto, esta declaração é acompanhada da observação de que a aquisição da rede fixa não se pode relacionar com esta intenção de abertura.



Entre as vantagens da compra da rede de telecomunicações fixa pela PT, Murteira Nabo, salientou que a mudança da rede actual para uma de nova geração proporcionará melhores condições aos concorrentes que sejam clientes do operador histórico.



Notícias Relacionadas:

2002-03-03 - Comissão Europeia ameaça punir operadores incumbentes devido ao lacete local

2002-02-15 - Operadores incumbentes continuam a dominar mercado europeu de banda larga

2001-12-06 - Congresso APDC - Operadores devem estabelecer maior cooperação

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.