Os serviços de comunicações electrónicas foram responsáveis por 81 por cento (15.853) das reclamações recebidas pelo regulador das comunicações nos primeiros seis meses de 2009.

À semelhança do que aconteceu em períodos anteriores, os serviços de Internet continuam a liderar as queixas dos utilizadores. Mais de um terço das queixas recebidas pela Anacom na área das comunicações electrónicas relacionavam-se com esta área.

Os serviços de televisão sobre IP surgem em segundo lugar - tendo em conta a relação entre o número de queixas e o número de utilizadores (459 reclamações em 273.476 clientes) - e os serviços telefónicos de rede fixa em terceiro lugar.

Questões relacionadas com equipamentos, atendimento/assistência técnica ao cliente e facturação são as mais apontadas nas reclamações que chegam ao regulador através dos livros de reclamações. Nas queixas dirigidas directamente à Anacom prevalecem as questões relacionadas com os termos dos contratos e a facturação.

De sublinhar ainda que os serviços da sociedade da informação também geraram algumas das queixas - 438 de acordo com os dados - posicionando-se na terceira posição do ranking dos serviços que geraram queixas.

A segunda posição vai para os serviços postais. Nesta tabela cabem ainda Outros Sectores da Anacom e Serviços de Tarifa Majorada. Em conjunto todas as áreas motivaram 20.366 reclamações.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.