O sector português das TMT vai perder, entre 2005 e 2008, 7,8 mil postos de trabalho, revela o relatório anual da Reportium XXI Consulting. Diz o documento que entre 2002 e 2008 a expectativa é que o sector perca 24 por cento da sua força de trabalho, o que corresponderá à redução de 18,4 mil postos de trabalho. Destes 42 por cento deverão ser eliminados entre 2005 e 2008.



A consultora analisou o emprego nas TMT e apurou que nos últimos três anos (entre Dezembro de 2001 e Dezembro de 2004) as empresas do sector despediram 10.568 trabalhadores. Segundo estes números, só no último ano a redução foi de 3,8 por cento.



O ano 2001 foi aquele em que se registou maior índice de emprego no sector, que por essa altura empregava 76.376 trabalhadores. Desde então o número de trabalhadores tem vindo a reduzir-se e a perspectiva até 2008 é que esta tendência se intensifique. Caso as previsões da consultora se concretizem o sector terá em 2008 57,9 mil trabalhadores o que o coloca no limite mínimo de eficiência.



A Reportium XXI considera que a diminuição do emprego no sector não se deve a qualquer questão sectorial mas está intimamente ligada às questões da "fragilidade da produtividade e competitividade da globalidade da economia nacional que se arrasta desde o final de 2001".


A consultora identifica ainda como causa para a diminuição de emprego a estratégia de empresas com grande peso no sector de "melhoria acelerada dos rácios económico-financeiros, por exemplo margens de EBITDA e free cash flow, em detrimento do posicionamento com responsabilidade social", diz o documento.



O relatório anual da Reportium XXI será divulgado ao longo de toda a semana com a publicação diária (até quinta feira) de informação sobre vários temas analisados no documento de 800 páginas, que resulta do inquérito a 440 empresas do sector.



Notícias Relacionadas:

2004-09-29 - Contas móveis ultrapassam a barreira dos 10 milhões em Portugal

2004-02-17 - Retoma do sector nacional das TMTs começa este ano

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.