A família de tecnologias DSL ultrapassou o cabo como o tipo de acesso à Internet mas popular da Europa, revela um estudo recente da empresa de pesquisa dos mercados Forrester.



Comparando as duas tecnologias, o estudo indica que 56 por cento das ligações em banda larga no continente europeu se baseiam em xDSL, ocupando o cabo o restante. Contudo, este estudo não estabeleceu comparações com outras tecnologias de banda larga como o satélite ou as redes sem fios.



No total, os analistas da Forrester descobriram que quase seis por cento das pessoas na Europa dispõem de uma ligação em banda larga, uma subida em relação aos quatro por cento registados há seis meses atrás.



O estudo indica que o Reino Unido foi o país que registou o maior crescimento durante o último ano, possuindo actualmente mais de dois milhões de subscritores de banda larga no total. O Reino Unido constitui neste momento a segunda maior comunidade de banda larga na Europa, embora continue ainda muito atrás dos sete milhões de utilizadores na Alemanha.



Dos 4,4 milhões de subscritores de serviços de acesso à Internet registados em Potugal no final do passado mês de Junho, 269 mil correspondiam a acessos por banda larga - por cabo ou ADSL -, um número que representa um crescimento de 122 por cento face ao primeiro trimestre, de acordo com dados da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom).



Segundo este estudo da Forrester, cerca de 64 por cento dos novos utilizadores da banda larga justificaram a sua mudança para uma ligação deste tipo por desta forma libertarem as suas linhas telefónicas do tráfego da Internet, comparado com 58 por cento que disseram ter mudado para obterem uma ligação mais rápida e os 49 por cento que pretendiam um acesso permanente.


Notícias Relacionadas:

2002-09-10 - Acesso à Internet em banda larga cresce 122% no segundo trimestre

2002-03-11 - Número de internautas portugueses cresce e reforça acesso em banda larga

2000-08-02 - Banda larga dispara na Europa até 2005

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.