http://imgs.sapo.pt/gfx/453276.gif A Google anunciou esta semana dois acordos com instituições portugueses que fazem de Portugal mais um país envolvido no Google Books Search, um projecto que se tem revestido de alguma polémica mas que já chegou a dezenas de países através de acordos para a disponibilização online de livros ou excertos.



O TeK esteve nesta apresentação e quis fazer um ponto de situação sobre outros focos de trabalho da empresa no país. Aqueles que, aliás, foram definidos como prioritários. Falámos com Paulo Barreto, director-geral da operação portuguesa.



TeK: Desde que está em Portugal a Google tem trabalhado na localização de serviços e na aproximação ao mercado de anunciantes. Como vão avançar estas duas áreas nos próximos tempos?

Paulo Barreto:
Ao nível da localização de serviços não posso dar pormenores mas posso propor-lhe que olhe para aquilo que são os serviços mais populares da Google a nível internacional, ainda não localizados, e dizer-lhe que provavelmente serão esses.

No que se refere ao mercado empresarial, mantemos temos uma equipa em Portugal que está contactar com os grandes e os pequenos anunciantes. Esta continua a ser a prioridade do escritório de Lisboa, a par com a localização e o fornecimento de serviços e aplicações, e está a correr bastante bem.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.