Nos últimos tempos temos assistido a movimentações por parte de alguns Governos que defendem a necessidade de filtrar alguns conteúdos online, nomeadamente no que respeita à pornografia e ao acesso à mesma por parte das crianças. A questão voltou à agenda este mês com a proposta do Reino Unido, mas não convence os leitores do TeK.

Por cá, a resposta mais consensual é mesmo a que rejeita a possibilidade do bloqueio com base na necessidade da Internet ser encarada como um espaço de liberdade, algo que não se compadece com este tipo de medidas. Quarenta e três por cento dos votos contabilizados vão nesse sentido.

A estes, talvez devêssemos somar os que afirmam que "este género de medidas esconde tentativas de censura" (23%), o que daria um total de 66 por cento a manifestarem-se avessos a este tipo de controlo.

Ainda assim, 19 por cento dos leitores dizem expressamente concordar com o bloqueio de alguns conteúdos, devido à necessidade de proteger alguns utilizadores. Outros 14 por cento defendem que "os filtros devem ser estudados caso a caso".

[caption]votação[/caption]

Medida que está a opinião dos 1949 votantes que nos ajudaram a perceber a sua posição nesta matéria, é chegada a altura de ficarmos a saber quais os equipamentos que os nossos leitores estariam dispostos a trocar por um tablet.

Nota da Redacção: A análise das Votações do TeK não tem como objectivo fazer uma avaliação estatística rigorosa e extrapolável para a realidade nacional de cada tema, representando apenas a opinião dos leitores que voluntariamente responderam ao inquérito. Note-se também que, por vezes, o resultado das diferentes percentagens apuradas não atingem os 100 por cento certos, devido à forma como o sistema faz os arredondamentos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.