O convite às 75 startups portuguesas foi revelado hoje pela organização do Web Summit e são empresas que já participaram no evento em Lisboa, em novembro de 2019, ganhando agora exposição a uma audiência na América do Norte. Representam vários sectores e indústrias e integram o programa Road to Web Summit, desenvolvido numa parceria com a Startup Portugal.

No ano passado o Collision realizou-se em Toronto, mas este ano a pandemia de COVID-19 fez com que o modelo passasse a realiza-se totalmente online.  Vai chamar-se agora Collision from Home e a organização afirma que "vai reunir milhares de participantes online, permitindo que as ligações relevantes continuem a ter lugar" refere um comunicado.

Já foram anunciados vários oradores e a lista continua a alargar-se nas próximas semanas, com centenas de investidores, startups e parceiros de negócio já confirmados.

Ricardo Lima, responsável pela equipa de startups do Web Summit, adianta que este programa que foi desenvolvido com a Startup Portugal permite às empresas portuguesas desenvolver uma grande visibilidade e oportunidades de negócio. "Nestes momentos difíceis é ainda mais importante suportar o espírito empreendedor português e contribuir para o crescimento económico e a criação de emprego", afirma, referindo que tem confiança no sucesso da iniciativa, apesar de navegar em "águas desconhecidas".

Para já tudo indica que o formato online do Collision é provisório, e já há data marcada para 2021, em Toronto, entre os duas 21 e 24 de junho. O modelo "from Home" poderá ser aplicado a outros eventos organizados pela equipa de Paddy Cosgrave, que ainda não confirmou como vai decorrer o Web Summit 2020 em Lisboa, marcado para 2 a 5 de novembro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.