Do zero ao estrelato num curto espaço de tempo. É isto que a Apple quer para a sua linguagem de programação, Swift, e o mais recente anúncio da tecnológica coloca o projeto um pouco mais próximo desse objetivo: a versão 2.0 vai ser um projeto open source.

Quer isto dizer que os programadores podem contribuir para a evolução tecnológica e prática da linguagem ao mesmo tempo que a vão usando para criar aplicações.

“Pensamos que a Swift deve estar em todo o lado e deve ser usada por toda a gente”, salientou o vice-presidente de engenharia da Apple, Craig Federighi, durante a conferência mundial de programadores (WWDC).

Na versão 2.0 e com a aposta na vertente open source a Apple garante ainda tempos de compilação mais reduzidos, livrarias standard e suporte para extensões de protocolos.

Está ainda assegurada uma versão das ferramentas de desenvolvimento da Swift também para o sistema operativo Linux.

A Apple trabalhou ainda para que todos os pacotes de desenvolvimento (SDK) tenham uma maior e melhor compatibilidade com a linguagem Swift.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.