Com o mote “Mudança de operador de energia sem problemas”, a página já está disponível e apresenta um formulário com algumas perguntas. “Queremos conhecer como têm decorrido os processos de mudança de comercializador de eletricidade e de gás natural. Ajude-nos nesta tarefa e conte-nos a sua experiência”, pode ler-se online.

[caption][/caption]

No final da campanha, a associação pretende produzir um relatório sobre as principais reclamações e problemas da mudança de operador para entregar ao regulador (ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos), com o objetivo de recomendar medidas de mudança.

Os problemas com a mudança de operador acontecem mais nas mudanças de operador de eletricidade do que do gás, segundo as estatísticas da associação, e aumentaram nos últimos dois anos.

Este ano, até 31 de julho, a Deco recebeu 4.492 reclamações sobre a mudança de operador de eletricidade e 1.501 reclamações sobre a mudança de gás, ao todo mais 336 reclamações este ano do que em igual período do ano passado, avança a Lusa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.