Quão diverso é o mundo dos gamers? Estima-se que existam cerca de 2,7 mil milhões de jogadores e em Gallery of the Gamer poderá descobrir mais sobre os diferentes tipos de personalidades que compõem este panorama.

O projeto surge como uma forma de dar a conhecer os resultados de um estudo online levado a cabo pela Activison Blizzard para identificar os diferentes tipos de personalidades dos jogadores, assim como os seus hábitos. Ao todo, foram questionados mais de 21 mil gamers nos Estados Unidos, Reino Unido, França e Alemanha.

Ao entrar no website terá de responder à pergunta “Considera-se um gamer?”, optando por um de dois caminhos. A verdade é que, independentemente do lado que escolher, será levado para uma galeria interativa onde cada peça de arte simboliza um determinado tipo de personalidade.

Por exemplo, o quadro “In the mix” representa um grupo de jogadores apelidado de “Super Swipers” que compõem 32% do total de inquiridos. As pessoas em questão têm uma abordagem mais casual e, embora gostem de jogar, em especial videojogos mobile como os populares Candy Crush ou Words with Friends, não se identificam como gamers e não sentem uma forte ligação a este mundo.

Gallery of the Gamer | Tipos de personalidade
créditos: Activision Blizzard

Já do outro lado do espetro, a peça central da galeria, uma estátua que toma o nome “Victory takes flight”, representa a categoria “Player Ones”, que corresponde a 25% dos questionados. O grupo é composto por pessoas, maioritariamente jovens, que encaram o gaming como não só como um hobby, mas como um estilo de vida e estão sempre a par de todas as novidades.

O estudo detalha que os super entusiastas “Next Levelers”, que perfazem apenas 4% do total, costumam dedicar mais tempo a jogar durante a semana, seja no PC, consola ou no smartphone, mas também a manter-se atento às notícias do mundo do gaming e a acompanhar eventos de eSports.

Os “Next Levelers” e os “Player Ones” apresentam motivações mais fortes do que os “Super Swipers” ou “Dabblers”, um grupo que, apesar de ter uma grande curiosidade pelo mundo dos videojogos, acredita que não joga o suficiente para fazer parte da comunidade.

Os dados demonstram também que, ao contrário dos participantes mais velhos do estudo, os mais novos são quem se identifica mais frequentemente com o título de “gamer”. Além disso, o panorama de jogadores é composto maioritariamente por pessoas do sexo masculino, particularmente nas categorias “Denialists”, “Next Levelers” e “Player Ones”. Já as gamers são mais predominantes nos grupos “Super Swipers” e “Dabblers”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.