Mais de quatro décadas passaram desde a aprovação da atual Constituição da República Portuguesa (CRP). Redigida pela Assembleia Constituinte eleita na sequência das primeiras eleições livres no país, em 1975, o documento conta já com mais de 32 mil palavras que se foram acumulando ao longo de sete revisões constitucionais. E se os mais velhos já têm dificuldades em compreendê-la e em enquadrá-la, imagine-se os mais jovens.

Para facilitar a tarefa, o Conselho Nacional da Juventude lançou um novo site dedicado a explicar, de forma simples, a CRP. O projeto é dirigido aos mais jovens e foi apresentado no passado mês de abril para assinalar os 41 anos da aprovação do documento.

Nesta plataforma, que foi batizada com o nome "A Nossa Constituição", recorre-se a uma interface simples, colorida e intuitiva para se esmiuçar todos os pontos em vigor.

tek a nossa constitutição

O site organiza-se em "Temas", "Perguntas e Repostas", "Vídeos", "Quiz" e "Sugestões" e em cada uma destas secções é possível estudar a Constituição de diferentes maneiras, seja através de textos, vídeos, fotografias ou jogos de trivia.

O site é um projeto do CNJ e foi aberto para "ajudar escolas e professores a abordar este género de conteúdos e a estimular a proximidade com matérias que envolvem a Constituição da República Portuguesa".

"O site tem formas muito modernas de olhar para um texto que à partida parecia aborrecido, mas não é nada", disse o secretário de Estado da Educação, João Costa, que marcou presença numa aula de apresentação na Escola Secundária Ferreira de Castro.

O site é de consulta gratuita e está disponível através deste link.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.