Não satisfeita com as soluções atuais, a Microsoft tem desenvolvido nos últimos anos a sua própria plataforma de transmissão de videojogos, facilitando a interação entre streamers e espetadores. No fundo, o objetivo é dar à plateia ferramentas para participar ativamente nas transmissões, invés de ser apenas um espetador passivo, e atualmente já é frequentado por um interessante número de utilizadores.

Com a chamada “segunda temporada” do Mixer, uma evolução da plataforma, os utilizadores têm acesso a novidades na sala de chat. Quanto mais tempo assistir às transmissões, mais Sparks irá juntar, que é uma espécie de moeda de troca para obter Skills (ações), ao mesmo tempo que sobe de nível como se fosse um jogo RPG. Obviamente que aquilo que desbloquear será utilizado para apoiar os streamers favoritos e ajudá-los a ganhar mais dinheiro.

tek site do dia

Entre autocolantes e emojis especiais, assim como efeitos “pirotécnicos” para lançar na janela do próprio streamer, os utilizadores podem ajudar a fazer a festa durante a transmissão. Além disso, estão disponíveis os Ralis, que são mini-jogos interativos entre os próprios membros a assistir a transmissão.

Pode visitar o site do Mixer, que no geral tem o mesmo objetivo do Youtube Gaming e do Twitch: assistir a novos videojogos ou procurar os títulos favoritos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.