Nascida em Copenhaga, na Dinamarca, a Green Tech Challenge vai trazer a Lisboa o seu programa para ligar empresas ecológicas ao capital.

Ao longo de quatro dias, de 18 a 21 de março, as startups previamente selecionadas vão reunir-se com outras empresas, mentores e investidores tendo em vista a maximização do lucro das empresas amigas do ambiente.

A edição lisboeta deste ano contará com pelo menos 13 projectos nacionais, nomeadamente Fish n’ Greens, Agro Insider e Bee2FireDetection, selecionadas com base no impacto ambiental do projeto, na força da equipa, na escalabilidade do modelo de negócio e na tração atual, especialmente de receita e financiamento.

Nos três primeiros dias, há workshops, palestras, explicações e ensinamentos sobre planeamento estratégico. No último dia, as empresas  mostram o que valem durante um picht diante de investidores.

O Investor Day está reservado para o último dia, com as 13 startups a fazerem o pitch a um painel de investidores. O evento é aberto a quem estiver interessado, sendo apenas inscrever-se aqui.

Além de Copenhaga e Lisboa, o Green Tech Challenge também já colocou à prova os empreendedores de cidades como Berlim, Helsínquia e Londres. Este ano, espera reunir 108 startups em cerca de 10 cidades.

De acordo com os organizadores do evento, mais de 70% das startups que participaram no Green Tech Challenge conseguiram um investimento médio de cerca de 500 mil euros.

As empresas interessadas em participar no evento do próximo ano, podem candidatar-se através de um formulário no site, sendo que as inscrições são gratuitas para as startups.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.