A Internet assumiu lugar de destaque na comunicação de muitas marcas. Quanto mais jovem o público, mais a máxima se torna verdadeira. E é no rasto da estratégia para uma comunicação online de sucesso que muitas começam a investir forte em vídeos virais.



Peças que consigam juntar o equilíbrio certo de ingredientes para em poucos dias ou semanas ganharem milhares (ou milhões) de visualizações. Vídeos que depois de produzidos não precisem de mais nada para ganhar destaque, para além da acção do próprio utilizador que gostou tanto do que viu que quer partilhar com os seus contactos.



A receita parece simples, mas não é. Continua a provar-se todos os dias que as coisas simples da vida podem gerar milhões de visualizações. O mesmo acontece com as coisas parvas, nada ensaiadas e totalmente espontâneas … às vezes até demais. Mas o dia-a-dia dos canais de vídeo também revela que produções maiores e mais pro muitas vezes não o conseguem.



Hoje passamos em revista sete vídeos que pode ver ou rever, gostar ou desgostar. O que não pode é discordar do sucesso que conseguiram atingir no ciberespaço. Em todos há dedo - rosto, criatividade, voz ou ideias, mais ou menos brilhantes - português.



Comecemos pelo exemplo mais recente. O facto de ser o treinador mais popular do mundo está sempre a colocar Mourinho no centro de polémicas. Mas quem havia de adivinhar que o Special One se preocupa com a cor dos papeis que embalam os sugus de ananás? Pois é, a vida de um treinador pode ser mais complexa do que se imagina.



A brincadeira é da autoria de um exímio imitador de vozes, que aproveitou o jeito para "dobrar" a voz do treinador português numa conferência de imprensa e mostrar a sua indignação relativamente à escolha da cor para embalar os sugus.





E como se sabe, os ânimos entre Madrid e Barcelona nunca esfriam. Se Mourinho tem uma opinião sobre a cor escolhida para embalar os sugus de ananás Guardiola, treinador do Barcelona, também tem e quer dá-la. Se o vídeo original já soma perto de 330 mil visualizações no YouTube, a suposta resposta já foi vista 436 mil vezes. Ambos os vídeos estão online há quatro dias.






E já que os protagonistas das primeiras histórias são homens do futebol aproveitamos para passar a bola na mesma área. Por mais visto que esteja não podia faltar na nossa lista o vídeo onde Paulo Futre detalha a sua visão para o futuro do Sporting. Se é verdade que os adeptos do clube podem estar receptivos a novas ideias, em momento de crise, a perspectiva do ex-jogador revelou-se demasiado visionária para passar despercebida no ciberespaço. Em pouco mais de um mês de vida online o vídeo conseguiu perto de 647 mil visualizações e não ficou sozinho no ciberespaço.






Ao estilo que já vimos nos vídeos de Mourinho e Guardiola, com menos preocupação com o timbre de voz, mas igual sintonia nos movimentos da boca e na criatividade da brincadeira Rui Unas pegou no caso. O resultado também vale umas boas gargalhadas, já experimentadas por quase meio milhão. Se ainda não viu aproveite.




No espectáculo e na música há também vários exemplos que podíamos usar como exemplos de sucesso no objectivo de ser viral. A portuguesa Ana Free podia ser um deles, mas há outros mais recentes. Por exemplo na área do humor. A história recente tem mostrado muitas vezes que, quando o tradicional espaço mediático da TV não tem espaço (ou tem pouco) para projectos diferentes, a Internet pode ser uma alternativa.





Os Homens da Luta que o digam. Os representantes portugueses no Festival da Eurovisão também somam vitórias nos canais de vídeo internacionais. A Europa tem-se revelado curiosa em relação ao grupo português - até o The Guardian apelou ao voto nos portugueses - e talvez as visualizações no YouTube também o reflictam. O tema mais popular dos revolucionários conta com perto de 630 mil visualizações.





Saindo do campo do humor para assuntos mais sérias, não é uma novidade mas vale também a pena recordar. Esta história de Natal Digital foi criada pela portuguesa Excentric e chegou à short list de finalistas dos Webby Awards, um dos prémios mais relevantes da Web. A categoria foi, claro, a de melhor vídeo viral. Há quatro meses online, o vídeo soma no YouTube mais de 10 milhões de visualizações.



Fechamos em tom de recado aos finlandeses. Desde que foi conhecido o resultado das eleições naquele país do norte da Europa que a possível indisponibilidade da Finlândia para participar no resgate a Portugal faz notícia. Há quem tenha decidido pôr mãos à obra - a ideia foi de Carlos Carreiras, presidente da Câmara de Cascais - e divulgar na Internet o que os finlandeses não podem mesmo deixar de saber sobre Portugal. De todos os vídeos citados nesta selecção é o que conseguiu menor número de visualizações. Mesmo assim está a caminho das 60 mil em três dias.



Cristina A. Ferreira

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.