A popularidade do Flipagram tem vindo a crescer num fenómeno facilmente justificado entre os fãs das redes sociais, pela facilidade e rapidez com que o serviço permite criar os seus Flips, com direito a edição facilitada imagem a imagem, escolha de filtros a aplicar a todo o vídeo, acesso à música guardada no telemóvel ou no restante universo online.

De início era apenas possível partilhar os Flips noutras plataformas, como o Facebook ou o Instagram, mas atualmente o Flipagram conta com a sua própria plataforma, onde é possível seguir outros utilizadores e ser seguido, colocar hashtags e outras coisas que tais, próprias dos media sociais deste tempo.

Lançado em 2013, ao final de um ano o Flipagram conseguia 30 milhões de utilizadores por mês, algo que o Snapchat demorou dois anos a alcançar e o Facebook demorou três anos.

A app continua a aparecer nos tops das aplicações do género, com o número de Flips existentes a aumentarem 165% entre o terceiro trimestre de 2014 e o mesmo período deste ano.

Antes limitados a 30 segundos, a comunidade Flipagram pode agora criar mashups de 60 segundos, a partir das suas galerias de imagens e vídeos, sem esquecer a parte musical, uma aposta paralela da rede social. Também pode simplesmente “perder-se” entre as propostas criativas de outros utilizadores ou das marcas e celebridades seguidas.

O Flipagram está disponível para Android, iOS e Windows.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.