Se for um jogador da velha guarda talvez se lembre de jogos de naves ou de aviões das máquinas árcade, tais como 1942, Terra Crestra ou Xevious. A perspetiva aérea, em que o jogador controla uma única nave contra todo um esquadrão inimigo deram origem ao que agora chamamos de “bullet hell”, em que as explosões e tiros se propagam pelo ecrã a uma velocidade estonteante e só mesmo os jogadores com sentidos aguçados conseguem sobreviver.

Pirates of the Galaxy foca-se neste género retro, colocando os jogadores na pele de um caçador de prémios num mundo repleto de alienígenas. Muito old school, entenda-se. Na prática terá de disparar contra tudo o que mexa, desde as mais simples vagas de inimigos, aos bosses mais poderosos.

O jogo destaca-se pelo seu grafismo detalhado e colorido. A nave do jogador é composta por componentes que podem ser melhorados, não só com diferentes armas, entre canhões e lasers, como esteticamente, ao nível das asas, por exemplo. Cada nave tem as suas próprias habilidades especiais que deve ter em conta. Além disso, são acompanhados por duas pequenas naves que ajudam a aumentar o poder de fogo.

O jogo tem o modo de campanha narrativa, sistema Endless, em que defronta inimigos até perder e até PvP. A cada três níveis vai ainda enfrentar um boss, que requere muito mais dano para ser destruído. A jogabilidade pretende ser simples, bastando arrastar o dedo pelo ecrã para controlar a nave.

Pode fazer o download gratuito de Pirates of the Galaxy nos smartphones Android.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.