Passar dos 300 milhões para os 600 milhões foi uma questão que demorou dois anos a resolver, mas como o crescimento da rede social não parece ter planos para abrandar, a empresa acaba de anunciar que aumentou este último número em mais 100 milhões em menos de cinco meses.

De acordo com a empresa, que celebrou a marca dos 600 milhões no passado mês de dezembro, este foi o período em que a sua base de utilizadores aumentou mais rápido desde que há registo.

O que parece estar a contribuir para esta fase positiva é a adopção de várias funcionalidades da aplicação concorrente, o Snapchat, e de onde se destacam as Stories, conhecidas por Snaps na app de Evan Spiegel. A opção foi introduzida no passado mês de agosto e desde então que o Instagram já adicionou às suas contas mais utilizadores do que aqueles que existem em todo o Snapchat (161 milhões no final de 2016).

Mas apesar do número astronómico, a plataforma continua atrás de outros serviços sociais do Facebook como o WhatsApp (1,2 mil milhões de utilizadores), o Messenger (1,2 mil milhões de utilizadores) e o próprio Facebook (1,86 mil milhões de utilizadores). O ritmo acelerado a que cresce, no entanto, pode provocar algumas alterações neste ranking a curto prazo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.