O sistema era sofisticado e permitiu aos criminosos roubaram milhões de euros através de um esquema ligado à publicidade contida em mais de 125 aplicações para sistemas Android e websites, relata a BuzzFeed News. A rede de publicidade fraudulenta era gerida pela Wepurchaseapps cujo método de operar consistia em adquirir aplicações já estabelecidas aos seus produtores, transferindo-as depois para uma rede de empresas localizadas em países como Israel, Chipre, Malta, Bulgária e Ilhas Virgens Britânicas.

A ideia era vigiar o comportamento dos utilizadores humanos e depois imitá-los, reproduzindo-o através de uma rede de bots. Desta forma, a rede gerava tráfego falso, enganando os investidores de publicidade nos espaços publicitários dos jogos, incluindo a Google. Por outro lado, a informação gerada pelo tráfego real dos utilizadores mascarava os dados gerais, o que tornava muito difícil detetar a burla.

Segundo a investigação da publicação, diversas apps que faziam parte do esquema eram jogos, alguns deles destinados a crianças, mas também havia aplicações de lanternas, alimentação saudável, selfies, entre outras. Uma aplicação chamada EverythingMe teve cerca de 20 milhões de instalações, mas no total, as apps foram descarregadas mais de 115 milhões de vezes.

A Google já terá removido as aplicações, mas existem relatos de que algumas continuam disponíveis na Play Store. A BuzzFeed disponibilizou a lista com as apps alegadamente envolvidas no esquema. Já o website da Wepurchaseapps foi encerrado.

A empresa especialista na medição de tráfego de aplicações, AppsFlyer, estima que no primeiro trimestre do ano foram roubados entre 700-800 milhões de dólares das aplicações para smartphone, representando um aumento de 30% face ao ano passado. Outra especialista, a Juniper Research, estima que um total de 19 mil milhões de dólares serão roubados durante este ano através de esquemas de publicidade fraudulenta, adianta a publicação na sua investigação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.