Daniel Ek aproveitou a (histórica) visita do presidente dos Estados Unidos à terra de Fidel Castro para arranjar um paralelo com a meta ultrapassada no serviço de streaming de música.

“Temos 30 milhões de subscritores @Spotify, mas nenhum deles é em Cuba… ainda. Muito bom ver a Cuba a abrir-se ao mundo!”, escreveu o mentor do serviço na sua conta do Twitter.

O valor divulgado agora mostra um crescimento acentuado - mais precisamente de 50% - face à última vez em que tinham sido apresentados dados sobre o assunto, antecipando o lançamento do Apple Music. Na altura, em junho de 2015, o Spotify somava 20 milhões de utilizadores.  

Já os dados mais recentes da rival Apple apontam para a existência de 11 milhões de subscritores pagos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.