O WhatsApp pode estar a desenvolver uma nova funcionalidade de encriptação de armazenamento na Cloud para dar mais segurança às conversas dos utilizadores. Ao que tudo indica, a funcionalidade vai chegar às versões para Android e iOS da aplicação de mensagens instantâneas.

O website WABetaInfo indica através da sua conta no Twitter que a novidade vai permitir aos utilizadores proteger os seus backups através de uma palavra passe privada que não será enviada para os servidores da empresa.

Após criar uma password com pelo menos oito caracteres, o utilizador terá de confirmar o seu número de telefone e país. Através das imagens partilhadas, é possível verificar que as credenciais serão pedidas sempre que os dados forem restaurados.

A app avisa também que não será possível recuperar passwords esquecidas. De acordo com o portal, a funcionalidade terá também suporte aos backups locais em equipamentos com o sistema operativo Android.

Política de utilização do WhatsApp muda a 15 de maio. O que acontece depois a quem não aceitar? 
Política de utilização do WhatsApp muda a 15 de maio. O que acontece depois a quem não aceitar? 
Ver artigo

Os rumores chegam numa altura em que o WhatsApp voltou a pedir aos utilizadores que aceitem a sua nova política de privacidade, mesmo depois de toda a polémica que a decisão gerou no início do ano. O prazo limite para concordar com os termos de utilização foi estendido até 15 de maio e os utilizadores serão alertados progressivamente.

Recorde-se que em questão está a partilha de informações dos utilizadores com parceiros da empresa liderada por Mark Zuckerberg, os quais incluem detalhes sobre pagamentos e transações, que vão servir para ajudar a direcionar publicidade, além de números de telefone e dados sobre os dispositivos.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.