Os rumores indicam que o WhatsApp está a criar um dark mode para a sua aplicação de messaging. A plataforma, que pertence ao Facebook, não adiantou quaisquer detalhes sobre esta novidade, mas é sabido que esta medida pode ajudar os utilizadores a poupar energia e facilitar a utilização da app em ambientes menos iluminados. O YouTube, por exemplo, já conta com um modo semelhante.

A notícia surgiu online pelas mãos do leaker WABetaInfo, que adianta que existem "muitas referências secretas e importantes" a um dark mode nas atualizações mais recentes. Através de um tweet, onde fez a revelação, o utilizador não deu mais informações relativamente ao assunto, mas afirmou de forma inequívoca que a empresa "está a desenvolver um dark mode".

Dada a tecnologia dos ecrãs OLED, o WhatsApp poderá optar por fazer um dark mode ou um black mode. Esta última opção pode beneficiar os equipamentos com displays OLED, uma vez que estes têm capacidade para desligar pixeis individualmente, de forma a exibir tons negros mais profundos e poupando bateria com o processo. Com o dark mode, o que acontece é que os pixeis sao comandados a exibir a cor preta em vez de se desligarem por completo. Na prática, a poupança de bateria não é tão substancial.

Se confirmada a suspeita, a app vai juntar-se assim a um leque de outras aplicações e serviços que já contam com um modo semelhante, como o Twitter, o Discord e o Reddit, por exemplo.

Para além do dark mode, WABetaInfo adianta também que a plataforma pode estar a criar uma opção de resposta direta rápida para Android. Com esta funcionalidade, os utilizadores passariam a deslizar as mensagens recebidas para criar uma resposta direta a essa mesma mensagem, em vez de precisarem de premir a mensagem até que a opção de resposta direta apareça.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.