A Google deu como finalizada a produção do Android 11, há cerca de uma semana, e desde então as fabricantes têm vindo a atualizar os seus equipamentos para a mais recente versão. As primeiras fabricantes que estão a testar a nova versão do sistema operativo são a OnePlus, Xiaomi, Oppo e Realme, com versões beta em alguns dos seus modelos. Os equipamentos da linha Pixel da Google são os primeiros a receber atualizações do Android 11.

O Android Central reuniu uma lista das fabricantes e respetivos modelos com as possíveis datas de atualização dos equipamentos. Os equipamentos Pixel, da Google, serão sempre os primeiros a receber as atualizações, sejam de correções ou de segurança. A lista dos modelos que vão suportar o novo SO começa no Pixel 2 até ao Pixel 4a. Considerando que no próximo dia 30 de setembro seja lançado o Pixel 5, é expectável que já traga instalado o Android 11.

Samsung

Os smartphones da Samsung raramente recebem atualizações na janela de lançamento de uma nova versão do Android. A fabricante não revelou datas, mas em agosto comprometeu-se a atualizar três versões principais por cada modelo, a começar com o Galaxy S10. Nesse sentido, estima-se que os utilizadores da marca tenham acesso à nova versão entre dezembro e janeiro do próximo ano, considerando os timings dos anos anteriores. A linha S10, S20, Note 10 e Note 20 serão os smartphones atualizáveis, mas há também a probabilidade que a linha S9 também seja compatível.

OnePlus

A OnePlus tem a sua própria versão de Android, o OxygenOS 11, que neste momento ainda se encontra em beta nos seus equipamentos. Mais uma vez, olhando para o histórico de atualizações, estima-se que a versão final do SO chegue antes do final do ano, com a exceção do OnePlus 8T, com lançamento no próximo mês de outubro, que vai ter instado de raiz o seu sistema operativo baseado em Android. Quanto aos modelos que poderão ser atualizados, começa pelo OnePlus 6 até ao OnePlus 8 Pro, incluindo respetivas versões McLaren Edition.

Xiaomi

A Xiaomi foi uma das fabricantes que firmou maior compromisso com a nova atualização do Android, abrangendo grande parte do seu catálogo atual, desde os equipamentos mais acessíveis os modelos topo de gama. Atualmente está a disponibilizar versões beta do SO aos modelos Mi 10 e Mi 10 Pro, baseado no seu próprio sistema MIUI 12. Ainda não existe uma data definida para o lançamento de Android 11. Quanto aos modelos que vão receber a atualização, são mais de 30, incluindo a linha Mi 10, Mi Note 10, Mi 9, Mi a3, Redmi K30, Redmi K20, Redmi Note 9, Redmi 10X, Redmi 9 e os modelos POCO F2 Pro, X2 e M2 Pro.

OPPO

A OPPO tem o seu sistema operativo baseado em Android e o ColorOS 11, com uma versão beta disponível nos modelos da linha Find X2 e Reno 3 Pro, prevendo-se o lançamento oficial antes do fim do ano. Segundo o Android Central, os planos da fabricante chinesa passam pelo lançamento gradual da beta nos seus modelos, que devem ser testados durante algumas semanas antes do lançamento final. Desde 14 de setembro que a linha Find X2 está em beta, seguindo-se a partir do fim do mês os restantes modelos da gama Reno 3.

Em outubro será lançado o Reno 4 Pro 5G, em novembro o resto da gama Reno 4. A partir de dezembro serão atualizados em formato beta o Reno 4 4G, a série F11 e os modelos A9, A92, A72 e A52. Já em 2021, durante o primeiro trimestre, a beta do Android 11 chega aos modelos Reno 10x Zoom, Reno 2, Reno 2F, Reno 2Z, Reno 3 Pro 5G, A91 e F15. Por fim, a partir do segundo trimeste chega a vez do Reno, Reno Z, A5 2020 e A9 2020.

Realme

O Realme UI 2.0 baseado em Android 11 encontra-se também em testes com a sua beta fechada para apenas 100 utilizadores do modelo X50 Pro. A empresa ainda não esclareceu qualquer data de lançamento para a nova versão ou os modelos compatíveis. Considerando o catálogo dos últimos 18 meses, os modelos que deverão receber a nova versão do SO são a série X50, X3, X2, XT, X, Realme 7, Realme 6, Realme 5, Realme 3 e Realme Narzo.

Huawei e Honor

Considerando a sua posição face aos Estados Unidos, a Huawei não tem a sua vida facilitada na atualização da sua própria interface EMUI 11, baseado em Android 11. Espera-se o seu lançamento no início do Outono, pouco depois da chegada oficial do sistema operativo, muito provavelmente em sintonia com a apresentação do novo Mate 40. No fórum chinês da Huawei dedicado ao EMUI 11, é possível ver os modelos contemplados com a atualização. A série Mate 30, Mate 20 e Mate X, assim como os modelos da série P40, P30, Nova 7, Nova 6, Nova 5.

Na lista constam ainda os modelos Honor: série V30, V20, Honor 20 e Honor 9X.

LG

A LG também não confirmou a data para a atualização do Android 11, mas em termos especulativos, considerando as anteriores versões do SO, os seus modelos poderão ser atualizados entre dezembro e fevereiro do próximo ano. Na lista de modelos constam o LG Velvet, a série G8, V60 e V50.

Motorola

Aos poucos os fãs da Motorola estão a ver a marca a regressar, entre a “ressurreição” do RAZR, aos equipamentos topo de gama. No entanto, ainda não existem confirmações de quando serão atualizados para Android 11. Mas entre a lista de modelos candidatos a serem atualizados estão a série Edge, RAZR, Moto G, One Fusion e One Hyper. É referido, no entanto, que excetuando o Edge+ e o RAZR, o Android 11 será a única atualização disponível para os restantes modelos.

Nokia

Considerando que todos os modelos da Nokia são abrangidos pelo programa Android One, estes têm direito a dois anos de atualizações principais do sistema operativo. Ainda não há datas, mas há modelos: Nokia 9 PureView, assim como todos os modelos do Nokia 1.3 ao Nokia 8.3.

Quais são as principais novidades do Android 11

O Android 11 terá um novo sistema de organização para as notificações enviadas por aplicações de mensagens. A empresa reconhece que os utilizadores tendem a alterar entre diferentes apps de messaging para se manterem em contacto com diferentes contactos, pelo que decidiu agrupar estas notificações numa nova secção dedicada. Desta forma, afirma, “torna-se mais fácil gerir conversas”. Esta funcionalidade permitir-lhe-á também definir contactos prioritários, o que dará maior importância às notificações destas pessoas.

Ainda sobre as mensagens, a empresa decidiu criar um sistema de janelas flutuantes que pode manter janelas de chat no ecrã do seu smartphone, mesmo que esteja a usar outras aplicações.

Apesar de várias marcas terem já criado um sistema de captura de ecrã, a Google criou agora uma ferramenta própria que assim democratizará a opção entre todos os equipamentos que adotarem este SO - isto sem ser necessária uma app dedicada.

No capítulo da conectividade, o Android 11 traz consigo um novo menu que lhe permitirá consultar e aceder a todos os equipamentos externos conectados ao smartphone. Desta forma, não precisará de alterar constantemente entre aplicações para os controlar.

Existem mais novidades a caminho do Android 11, que compilámos anteriormente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.