Não é novidade que o CEO da Apple é um apaixonado por realidade aumentada. Mesmo em ano de explosão para a realidade virtual, Tim Cook declarou publicamente, por várias vezes, que o futuro seria dominado pela alternativa.

O verão mostrou como a realidade aumentada pode cativar as massas. Aplicada pela Niantic em Pokémon GO, a tecnologia levou milhões de pessoas para as ruas em caça de criaturas virtuais que se tornaram num dos maiores fenómenos móveis de sempre. Com estas provas de sucesso e com este amor declarado pelo CEO, será uma questão de tempo até que a Apple anuncie o seu primeiro equipamento para um segmento que promete.

De acordo com o Benzinga, um site financeiro norte-americano, a gigante tecnológica pode até fazê-lo num futuro muito próximo. Segundo noticiou a publicação esta segunda-feira, o iPhone 8, que poderá ser lançado já este ano, pode contar com funcionalidades de realidade aumentada, hipoteticamente semelhantes às potenciadas pela Google com o seu Project Tango.

A novidade tem por base uma declaração de Simona Jankowski, analista da Goldman Sachs, que diz que "a inclusão de funcionalidades de deteção em 3D é cada vez mais provável, o que poderia, por consequência, habilitar uma funcionalidade de realidade aumentada mais robusta que nós acreditamos ser a característica diferenciadora do smartphone que será lançado para celebrar o 10º aniversário do lançamento do iPhone".

Os últimos rumores que surgiram sobre esta hipótese vão no mesmo sentido que as palavras de Jankowski. Com a funcionalidade a ser, alegadamente, desenvolvida em parceria com a Lumentum, são já várias as pistas que foram deixadas no sentido de fazer antever a apresentação de um produto de realidade aumentada. Recorde-se também, ainda no âmbito desta hipótese, que a tecnológica adquiriu recentemente duas startups de realidade aumentada: a Metaio e a Flyby Media,

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.