A nova geração de dobráveis da Samsung fez a sua estreia em agosto, com o Galaxy Z Fold3 and Z Flip3 a chegarem com a promessa de uma maior resistência, incluindo à água e a riscos no ecrã. Agora, a fabricante sul-coreana abre a porta dos “bastidores” e, através de um novo vídeo, revela mais pormenores acerca dos testes de resistência aos seus novos dobráveis.

No seu website, a Samsung começa por explicar que, para produzir smartphones duráveis, teve de apostar numa forma inovadora de desenvolver e testar os equipamentos. “Passámos anos a realizar centenas de testes”, afirma a fabricante, acrescentando que, como resultado, foi possível desenvolver novos tipos de materiais e otimizar componentes já existentes.

Clique nas imagens para mais detalhes

A tecnológica detalha que os novos dobráveis passaram por um processo de testes composto por quatro fases diferentes. Na primeira, os smartphones foram postos à prova numa câmara climática, de modo a assegurar que funcionam numa variedade de condições, entre frio, calor, humidade e ambientes mais secos.

Veja os testes

Segue-se o teste do “banho”, onde os smartphones são mergulhados em água para verificar as suas capacidades de resistência, sendo também dobrados em várias posições. Na terceira fase de testes, um braço robótico testa o desempenho da S Pen no ecrã dos dobráveis e, por fim, na quarta, os equipamentos são dobrados e desdobrados sucessivamente.

Abrimos, dobrámos e gostámos. As primeiras impressões dos novos Samsung Galaxy Z Fold3 e Z Flip3
Abrimos, dobrámos e gostámos. As primeiras impressões dos novos Samsung Galaxy Z Fold3 e Z Flip3
Ver artigo

“Para assegurar que os novos dobráveis fazem jus ao seu nome, a série Galaxy Z passou por testes rigorosos”, preparando-os para resistirem a mais de 200.000 dobragens, ou o equivalente a serem dobrados e desdobrados 100 vezes por dia ao longo de cinco anos, indica a Samsung.

Recorde-se que, anteriormente, também os especialistas da iFixit decidiram pôr os equipamentos à prova, demonstrando que conseguem sobreviver ao teste do “banho”. Porém, embora os técnicos afirmem que os equipamentos sejam mais resistentes, nenhum deles parece ter sido concebido com reparabilidade em mente.

Apesar da Samsung demonstrar o nível de resistência dos seus novos smartphones dobráveis, alguns utilizadores do Reddit demonstram que os ecrãs dos seus equipamentos, em particular do Galaxy Z Flip3, começam a rachar mesmo com pouco uso, algo que também aconteceu durante os testes ao smartphone feitos pelo website 9to5Google.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.