O mês de novembro viu mexidas na tabela dos smartphones mais potentes analisados pelo benchmark da AnTuTu para o mercado chinês, com a Huawei a assumir não só o primeiro lugar, como também o segundo dos melhores equipamentos. Isto significa que o processador Kirin 9000 continua a ser atualmente o mais poderoso SoC do mercado, deixando para trás o Snapdragon 865 e 865+ da Qualcomm.

Nesse sentido, o Mate 40 Pro+ é o grande campeão de novembro, por uma larga vantagem, somando 698.654 pontos no benchmark, destronando assim o seu “irmão” Mate 40 Pro, que em outubro tinha sido considerado o mais potente. A fabricante chinesa soma assim dois meses seguidos no topo da tabela. O pódio fica completo com o Xiaomi Mi 10 Ultra, que obteve 671.045 pontos, tendo sido listado no mês de outubro no sexto lugar da tabela.

Veja na galeria os 10 smartphones mais poderosos de novembro no benchmark AnTuTu:

Isso significa que o Vivo iQOO5 e o iQOO 5 Pro foram empurrados para o quarto e quinto lugar da tabela, com 556.250 e 664.238 pontos, respetivamente. O modelo Pro da Vivo ocupava o segundo lugar no mês de outubro.

As cinco restantes posições pertencem ao Redmi K30S Ultra, no sexto lugar com 664.119 pontos, o Vivo X50 Pro+ em sétimo com 662.524 pontos e o Vivo iQOO Neo3 em oitavo com 644.449 pontos. As duas últimas posições da tabela foram “reservadas” aos smartphones de gaming: o Asus ROG Phone 3 em nono com 638.842 pontos e o Lenovo Legion Phone Duel com 626.885 pontos em décimo.

AnTuTu - Novembro 2020

No que diz respeito à tabela dos smartphones mais poderosos de gama média, o Redmi 10X 5G assume o topo da tabela, ultrapassando a sua versão Pro, que ficou em terceiro lugar. O segundo posto é agora ocupado pelo Huawei Nova7 Pro. A Huawei tem ainda os dois postos seguintes da primeira metade da tabela, com o nova7 em quarto e o Honor 30 em quinto.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.