A apresentação dos novos modelos de telemóveis decorre hoje em Lisboa, e embora os holofotes se virem para o KF5 Bless Cork Edition, que usa como material a cortiça, há mais modelos a diversificar a oferta.

Entre os produtos apresentados estão dois feature phones, o KF2.4 e o KH1.8, que recuperam designs mais tradicionais e os teclados numéricos, mas também o KF4, um smartphone de gama média, e o KF5bless, a linha de topo de gama que integra também a versão em cortiça.

Por enquanto a marca vende exclusivamente online em Portugal mas Tito Cardoso, Administrador da IKI Mobile, adiantou ao TeK que o objetivo em 2017 é alargar a presença com os retalhistas, tendo já assinado um acordo de distribuição com a JP Sá Couto.

Recorde-se que a marca foi apresentada há cerca de um ano e traçou objetivos para começar a fabricar os equipamentos em Portugal, montando uma fábrica em Coruche que ainda não avançou. No próximo ano avança também a fábrica em Luanda, Angola, a primeira fábrica mobile no país.

Tito Cardoso garante porém que os resultados do primeiro ano de operação excederam as expectativas e que foram vendidas quase 300 mil unidades, quando a previsão apontava para vendas de 30 mil equipamentos, mas a maioria das vendas foi realizada no mercado internacional.

O reforço da internacionalização está também nos planos da empresa que neste ano já chegou à África do Sul, Angola, Timor Leste, Senegal, Dubai, Brasil e Estados Unidos da América, mas os objetivos para 2017 são ainda mais ambiciosos, como explicou o Administrador da empresa, e visam o mercado asiático.

Nota da Redação: A notícia foi atualizada durante a apresentação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.