A novidade foi avançada por Brian Krzanich, CEO da número um dos processadores, durante o Intel Developer Forum 2013, sem informação adicional, mas mais tarde, Chris Walker, diretor geral da unidade de processadores para tablets, acrescentou mais pormenores.

Ao que indicou o responsável em declarações à CNET , dado o nível de preço que se pretende atingir, os novos tablets vão ter sistema operativo Android.

A confirmar-se a estratégia, a Intel mostra que não quer deixar fugir um segmento de mercado onde a arquitetura ARM tem “dado cartas”.

Na imprensa internacional diz-se que os novos tablets vão ter um ecrã de sete polegadas e especula-se acerca dos processadores integrados.

Se uns mencionam os Bay Trail, há quem considere que estes processadores estão destinados a tablets que competem num segmento mais alto, antevendo que serão os futuros Atom a integrar as máquinas de 100 dólares que se preparam para chegar ao mercado.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Nota de redação: A notícia foi alterada para corrigir um parágrafo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.