Quase dois meses após ter sido apresentado pela Apple, o iPad Pro vai ficar disponível para compra. O novo tablet da marca da maçã destaca-se pelo tamanho genoroso do ecrã, apresentando-se com 12,9 polegadas. Mas este não o único motivo que faz do novo iPad uma escolha para os segmentos mais profissionais: o processador também é mais poderoso e pode ser apetrechado com uma capa-teclado e uma caneta eletrónica.

Portugal faz parte do grupo de 40 países que vão receber o iPad Pro numa primeira fase. Por agora ainda não são conhecidos os preços em euros, valendo os valores de referência para o mercado norte-americano:

iPad Pro 32GB Wi-Fi: 799 dólares, ~ 740 euros
iPad Pro 128GB Wi-Fi: 949 dólares, ~ 880 euros
iPad Pro 128GB Wi-Fi + 4G: 1.079 dólares, ~1.005 euros

Os preços aumentam 169 e 99 dólares respetivamente se pretender comprar também a capa-teclado Smart Keyboard e o Apple Pencil. Com estes periféricos a tecnológica de Cupertino acredita que estará a endereçar as necessidades de designers, ilustradores, engenheiros, médicos, professores, jogadores e produtores multimédia.

As vendas online começam na quarta-feira, 11 de novembro, mas os tablets só serão entregues no final da semana, altura em que vão chegar também às lojas.

Ao nível das especificações o iPad Pro tem um ecrã com uma resolução de 2.732x2.048 píxeis, um processador A9X mais potente que o dos novos iPhone, um renovado sensor M9 dedicado apenas à análise do movimento do utilizador, sensor fotográfico de oito megapíxeis e leitor de impressões digitais. A autonomia do novo iPad ronda as 10 horas, de acordo com dados da própria Apple.

O iPad Pro será também o melhor dispositivo da Apple para tirar partido das funcionalidades multitarefas que ficaram disponíveis através do iOS 9.

Recorda-se que desde 2011 que a Apple não vende tão poucos iPad, cabendo agora ao novo elemento da 'família' a missão de recuperação deste segmento para a Apple.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.