Alguns anos depois do final da garantia, por norma as fabricantes descontinuam os dispositivos e reduzem a respetiva assistência técnica, até que se tornem obsoletos quando avariam. A Apple parece querer inverter essa tendência, introduzindo um novo programa-piloto para reparar os seus produtos “vintage”. Este pretende prolongar o tempo de vida dos seus dispositivos através da assistência e reparações qualificadas.

A Apple refere que produtos do seu catálogo com mais de cinco anos e menos de sete são considerados “vintage”, a partir dos sete anos são considerados obsoletos. Nesse sentido, o iPhone 5 lidera uma gama de produtos mais antigos que vão voltar a ser recuperados. Também o MacBook Air a partir de 2012, tanto o modelo de 11 como 13 polegadas entraram na lista. O iMac de meados de 2011, de 21.5 e 27 polegadas também passam a ser recuperados, mas apenas nos Estados Unidos e Turquia. Também as versões do Mac Pro de 2009 e 2010 podem ser reparados.

Na lista, que pode consultar, estão incluídos outros produtos tais como a segunda geração da Apple TV e a quarta geração da Time Capsule.

A fabricante irá aumentar a longevidade do programa em breve, adicionando o suporte a mais dispositivos, tais como o iPhone 4, o MacBook Pro de 2012, as versões Retina, entre outros. Os aparelhos poderão ser reparados nas lojas da Apple ou agentes oficiais autorizados pela marca.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.