De acordo com os dados revelados esta quinta-feira pela Gartner venderam-se 330 milhões de smartphones em todo o mundo, entre os meses de abril e junho, 13,5% acima dos valores registados em igual período de 2014, mas à taxa de crescimento mais lenta desde 2013. 

Apesar do lançamento dos novos modelos S6, os topos de gama da Samsung continuam a ser desafiados pelos iPhones da Apple. A fabricante sul-corena perdeu 4,3 pontos percentuais em quota de mercado e viu o número de unidades vendidas diminuir 5,3%.

Parte da quota perdida pela Samsung passou para a Apple, que cresceu  2,4% pontos percentuais no mercado e aumentou as vendas em 36%. Ao todo a fabricante da maçã vendeu 48,085 milhões de telefones em todo o mundo.

O maior crescimento foi registado pela Huawei, que conseguiu que as suas vendas aumentassem 46,3%, para perto de 26 milhões de unidades.

As tendências de venda também se notam nos sistemas operativos, com o Android a cair 1,6 pontos percentuais e o iOS a crescer acima de dois. O Windows também viu a sua quota de mercado baixar, embora muito ligeiramente, dos 2,8% para os 2,5%.


Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.