Os rumores apontavam para a apresentação de um novo iOS e a Apple não desapontou. Afinal, é tradição desvendar uma atualização para o sistema operativo no Worldwide Developer Conference.

Esta segunda-feira, dia 5 de junho, a empresa anunciou o novo iOS 11.

A versão traz várias novidades. Algumas estruturantes, outras menos. Mas vamos por partes.

iMessages

Ao contrário do iOS 10, que introduziu um conjunto de opções estéticas nesta app, a nova versão torna-a mais funcional.

A partir de agora, a app vai armazenar conversas na cloud e sincronizá-las entre todos os seus aparelhos Apple para que as possa retomar desde o ponto em que as deixou, no tablet, no Mac ou no telefone.

Apple Pay

O sistema de pagamentos móvel da tecnológica de Cupertino vai agora permitir transferências entre utilizadores. Depois de ter sido integrado em vários aparelhos da marca, o programa vai chegar ao iMessages e possibilitar o envio de dinheiro diretamente dessa mesma app.

Homekit

A interface de emparelhamento e controlo de dispositivos de IoT vai agora permitir a sincronização com colunas de som.

Do Not Disturb While Driving

Este é um novo modo pensado para utilizadores condutores. Como o nome indica, a funcionalidade vai fazer com que o seu smartphone não lhe dê quaisquer notícias enquanto segue ao volante de uma viatura.

Se for contactado por alguém poderá definir uma resposta automática que vai informar o remetente de que está a conduzir.

tek ios 11

Siri

A Siri vai passar a exibir uma voz mais natural que será articulada através de várias entoações. Na curta demonstração que ocorreu no centro de convenções de San José, por exemplo, a assistente disse uma mesma palavra de três formas diferentes.

Mas a assistente vai também passar a dar mais atenção às suas escolhas e interesses. Um das formas em que isso será notado pelo utilizador é o facto da assistente estar agora preparada para dar prioridade a notícias que estejam relacionadas com pesquisas que tenha feito recentemente.

Para além disto, a Siri está ainda pronta para fazer traduções em várias línguas e para reproduzir aquilo que aprende num equipamento, para um outro que utilize a seguir.

Maps

Para além das atualizações anunciadas no âmbito na navegação em estrada, como a apresentação do limite de velocidade e a indicação da faixa onde deve seguir para continuar o seu caminho, a maior novidade neste campo é para os pedestres.

Para além dos mapas exteriores, a Maps vai passar apresentar plantas detalhadas de centros comerciais e aeroportos. Vai ser possível explorar cada um dos andares destes espaços individualmente e planear um caminho antes de lá chegar fisicamente.

Câmara

As câmaras do iPhone 7 vão ser capazes de capturar retratos com mais qualidade em condições de luminosidade reduzida.

As Live Photos vão tornar-se editáveis e as imagens serão processadas com o dobro da compressão.

Uma nova API vai permitir o desenvolvimento de aplicações com funcionalidades de reconhecimento de profundidade na câmara.

Há ainda novos efeitos para aplicar nas suas fotografias e Live Photos. O Seamless Loop faz com que um GIF pareça um ciclo ininterrupto, em vez de uma animação com início e fim declarado; o Bounce reproduz fotografias animadas do início para o fim e do fim para o princípio em vez de as apresentar sempre no mesmo sentido; e o Long Exposure fará exatamente o mesmo que uma longa exposição faria numa qualquer outra câmara.

Control Center

Nesta zona a Apple vai voltar a concentrar todos os comandos de controlo e acessibilidade do telefone. No entanto, tudo estará à distância de um clique e reunido sobre uma única página.

Para que os ícones não surjam amontoados ou desorganizados, a tecnológica juntou-lhes suporte para 3D Touch de forma a que possa obter mais comandos para além dos que são primeiramente visíveis.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.