A larga variedade de dispositivos Android parece não ter sida apelativa o suficiente para dissuadir os clientes dos aparelhos da Apple. De acordo com a Kantar WorldPanel ComTech, no quarto trimestre de 2014 foram vendidos mais iPhone do que smartphones Android no mercado norte-americano, algo que já não acontecia desde o último trimestre de 2012.

Entre outubro e dezembro do ano passado, 47,7% de todos os smartphones adquiridos em terras do tio Sam tinham a marca da maçã, um valor que ultrapassa por margem mínima a percentagem de equipamentos vendidos com o software da Google - 47.6%.

O iPhone 6, lançado em setembro de 2014, foi o smartphone com o melhor número de vendas nos EUA entre outubro e dezembro. A mesma tendência verificou-se na Europa, ainda que os valores variem um pouco: apesar de ainda ser líder com 66% do mercado, o Android viu reduzido o seu domínio em todos os mercados - com exceção do italiano - em cerca de 3,8 pontos percentuais.

O iPhone cresceu cerca de 6,2 pontos percentuais com principal destaque no Reino Unido, onde esse valor sobe para os 13,1 pontos. "Para além de o sucesso do iPhone 6 e do iPhone 6 Plus não terem precedentes, estes números também provam que a Apple tem o seu portefólio mais fortificado do que nunca", disse Carolina Milanesi, uma das responsáveis da análise.

Nota de redação: Corrigida uma gralha por indicação dos leitores


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.