Sempre que um flagship surge no mercado, as comparações e avaliações são inevitáveis, sendo também comum o aparecimento de novos recordes. Com o iPhone XS Max, a Apple recebeu o prémio de melhor ecrã em um smartphone, um título que pertencia ao Galaxy Note 9.

Em relação ao desempenho da sua câmara, o mais recente equipamento da marca da maçã também se conseguiu destacar da concorrência, com a empresa de benchmarking DxOMark a atribuir-lhe uma pontuação de 105. À frente, com 109 pontos, apenas ficou o P20 Pro da Huawei e a sua câmara tripla.

Considerando que o flagship da Apple tem “uma das melhores câmaras móveis”, a DxOMark aponta melhorias significativas em relação à câmara no iPhone X, realçando que os melhoramentos são mais óbvios no lado do software e no processamento de imagens.

Na sua análise, a empresa aponta a excelente qualidade de fotos e vídeo sob uma luz brilhante, com uma “imagem dinâmica muito ampla e com bons detalhes”, destacando o Smart HDR e a boa qualidade de detalhes e cores em todas as condições.

“Durante a captura de uma imagem estática, a câmara fotografa continuamente um buffer de várias imagens em diferentes exposições, permitindo um atraso do obturador e um processamento HDR simultâneos, algo que é exclusivo do novo iPhone neste momento”, esclarece a DxOMark.

Também o sistema de focagem automática foi considerado como um dos melhores que a empresa de benchmarking já testou, tendo alcançado uma avaliação de 100 pontos. A rapidez e a precisão em todas as condições de iluminação foram os pontos decisivos na avaliação desta característica.

No entanto, o desempenho do zoom é apontado como um aspeto que pode ser melhorado. Embora tenha sido aprimorado em relação ao iPhone X, as imagens de zoom do iPhone XS Max têm “um ruído de luminosidade grosseiro e menos detalhes do que alguns rivais de ponta, como o Huawei P20 Pro e o Samsung Galaxy Note 9”.

Também a performance do Flash foi marcada como um dos pontos fracos do novo iPhone, com as fotografias a ficarem subexpostas, com sombras e pouca luz.

Quanto ao modo bokeh, o iPhone XS Max vem com um dos melhores modos de simulação deste efeito do mercado. Embora ainda apresente erros de estimativa e de profundidade, as imagens de bokeh do novo iPhone mostram melhores detalhes, por exemplo, do rosto e dos cabelos do que alguns rivais diretos, como o Huawei P20 Pro.

Na parte do vídeo, a fraqueza apontada foi a existência de instabilidade no balanço dos brancos, no entanto, o excelente desempenho de vídeo em condições de luminosidade intensa foi destacado como um dos principais pontos fortes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.