A maior novidade do iOS dos últimos meses chama-se Shortcuts. Trata-se de uma app de automação, onde se podem combinar comandos e tarefas, de forma a que o smartphone aja de maneira mais independente. Os comandos que foram inicialmente criados são simples utilitários, que permitem guardar fotografias do Instagram, partilhar músicas nas redes sociais e organizar rotinas matinais, para que o iPhone ligue as luzes do quarto e reproduza músicas para despertar às horas em que o utilizador tem de se levantar. No entanto, Robert Petersen deu a esta app um propósito mais sério. O comando criado pelo norte-americano chama-se Police, e permite a monitorização das interações entre o utilizador e agentes da autoridade, de forma a que o utilizador fique com registos da conversa que manteve com os agentes.

iOS 12: Descubra todas as novidades e funcionalidades do novo sistema operativo mobile da Apple
iOS 12: Descubra todas as novidades e funcionalidades do novo sistema operativo mobile da Apple
Ver artigo

Assim que o atalho estiver instalado e configurado, o utilizador só precisa de o ativar através da Siri para que ele comece a funcionar. Uma vez que foi desenvolvido em inglês, terá de ser dito "Hey Siri, I'm getting pulled over" para que o comando se inicie. Em português, o comando traduz-se para qualquer coisa como "Hey Siri, estão a mandar-me encostar". Assim que ouvir esta ordem, o telefone coloca a música em pausa, diminui o brilho do ecrã, ativa o modo Não Incomodar, envia uma mensagem para um contacto predefinido a dizer que foi mandado parar pela polícia, e inicia uma gravação com a câmara frontal do telefone. Quando parar a filmagem, o vídeo pode até ser automaticamente enviado para um email ou pode ser guardado na Dropbox.

Petersen acredita que este sistema pode ser o "equivalente civil" às câmaras corporais que os polícias utilizam nos EUA. "Se te estão a mandar parar, acho que não há mal nenhum em ter um registo do incidente", comenta.

O autor adiantou que tem recebido feedback positivo sobre a sua criação, e afirmou, em conversa com o Business Insider, que já existem utilizadores a modificar o atalho para o adaptar a outras situações que sejam potencialmente perigosas. "Essa é uma das melhores coisas acerca da Shortcuts: qualquer um pode editar um atalho previamente criado e adaptá-lo às suas necessidades", concluiu.

tek police shortcut

O atalho Police, criado Robert Petersen, pode ser descarregado através deste link, mas não se esqueça que, para funcionar, terá de ter a app Shortcuts instalada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.