O Skype é apenas mais uma das plataformas que tentou apanhar o comboio das "stories" e dos "snaps", mas a parca popularidade que a funcionalidade reuniu prova que esta opção não tem igual sucesso em todas as apps que apostaram na sua implementação. Apesar da fama que a funcionalidade conquistou no Instagram e no Snapchat, Facebook e WhatsApp continuam a não ser um ponto de passagem para aqueles que querem partilhar online conteúdos multimédia através desta via. E o Skype é outro dos programas que faz parte deste último grupo.

Numa das próximas atualizações, a Microsoft vai tratar de remover a funcionalidade da app. O anúncio foi feito pela própria tecnológica. A ideia passa por remover a componente social do serviço, que se tornará cada vez mais focado na sua utilidade comunicacional (chamadas, videochamadas e mensagens). Isto porque de acordo com a equipa responsável pelo Skype, os utilizadores não estavam a recorrer a esta funcionalidade.

Os utilizadores que quiserem descarregar e guardar os seus Highlights para a posterioridade, poderão fazê-lo até dia 30 de setembro.

Numa altura em que várias aplicações concorrem por uma quota no mercado das stories, o Skype não partia propriamente numa posição vantajosa, uma vez que Instagram e Snapchat, duas apps populares entre os utilizadores, dominam largamente o segmento. Adicionalmente, o facto de o Skype não ser uma rede social, e adotar uma vertente mais profissional, faz com que a maioria não considere este programa quando pensa em partilhar este tipo de conteúdo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.