A SpaceX voltou a colocar nos céus o seu Falcon Heavy este domingo. Aquele que foi o quinto voo bem-sucedido do foguetão mais poderoso da empresa liderada por Elon Musk, aconteceu este domingo, numa missão para a Força Espacial dos EUA.

Após a missão, a empresa recuperou os dois propulsores laterais do primeiro estágio do foguetão, manobra que fez questão de mostrar - e que será sempre espetacular de ver -, num vídeo de cerca de 30 segundos.

De acordo Elon Musk, que partilhou o post da SpaceX na sua conta, o vídeo em questão mostra como os foguetões da empresa irão pousar em Marte.

O vídeo mostra os propulsores laterais já depois de terem gasto a maior parte do combustível e se terem afastado do núcleo central para se reorientarem e entrarem na atmosfera terrestre, após dois minutos e 30 segundos do lançamento.

Ao aproximarem-se do solo, os propulsores reacenderam os motores para completarem um pouso sincronizado nas plataformas LZ-1 e LZ-2, na região da Flórida, Estados Unidos.

A SpaceX costuma recuperar os seus foguetões para que possam ser reutilizados, com o objetivo de reduzir consideravelmente o custo dos lançamentos. Os dois pousos deste domingo foram os números 163 e 164 realizados com sucesso pela empresa de exploração espacial de Elon Musk.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.