Chama-se "e-maestro" o projeto de instalação interativo do artista português Rui Avelans Coelho, que propõe aos visitantes e utilizadores uma nova forma de dirigir uma orquestra - neste caso a Banda Sinfónica da Guarda Nacional Republicana - enquanto interpreta a abertura da ópera Carmen.

Trata-se de uma instalação de vídeo interativo, baseada num painel de controlo e em três projeções de vídeo em tela, que mergulha o visitante num cenário que reproduz a orquestra em tamanho real. A ideia é que o utilizador possa interagir com a dita orquestra, escolhendo os naipes de instrumentos a reproduzir nesse momento.

O projeto já tinha sido apresentado em Portugal no ano passado, na Futurália, mas chega agora a palcos internacionais.

[caption]Projeto e-maestro permite comandar orquestra digital[/caption]

Com base na solução multimédia desenvolvida por Rui Avelans Coelho, é possível selecionar individualmente os instrumentos que reproduzem a ópera, misturando-os uns com os outros ou, em alternativa, assistindo à interpretação individual de cada instrumento musical.

A novidade na obra "e-maestro" é que as imagens controladas são de músicos reais, gravados por Rui Coelho através de um processo de Chroma key, em grupos individuais, que foram depois misturados e editados ao nível da interatividade.

O projeto será apresentado em Barcelona entre os próximos dias 10 e 13 de fevereiro, no âmbito da conferência internacional TEI 2013, dedicado a novos projetos de interação multimédia e aos temas da interação Homem-Máquina, arte interativa, ferramentas e tecnologias.

Conheça o making-of da obra "e-maestro neste vídeo disponibilizado pelo autor:


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.