O asteróide 2005 YU55 passou esta terça-feira, por volta das 23h30, a 324.000km da Terra, uma distância um pouco menor do que a que separa o planeta da Lua.

A trajetória do corpo celeste foi seguida pelo olhar atento da NASA durante a última semana, que aproveitou para registar o momento.

O YU55, com 400 metros de diâmetro, "aproximou-se como o previsto, precisamente, às 23h28, a uma velocidade estimada de 46.600km/hora, sobre o oceano Pacífico", afirmou um porta-voz do Jet Propulsion Laboratory da NASA, citado pela AFP.

Os radares da agência espacial norte-americana já tinham captado imagens do asteroide quando este estava a pouco mais de um milhão de quilómetros de distância da Terra, esta segunda-feira.

O vídeo produzido reúne as" imagens com melhor resolução jamais geradas por radar de um objeto a aproximar-se da Terra", garante a NASA.

O vídeo foi feito pela animação da sequência de imagens recolhidas pelos radares, o que segundo os cientistas da NASA, permite ver a superfície do asteroide com maior detalhe. "A animação revela várias estruturas à superfície que ainda não conseguimos compreender. Até agora vimos menos de metade da superfície, por isso ainda esperamos surpresas".

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.