O voo inaugural do Falcon Heavy aconteceu há um ano e quase tudo correu bem, não fosse um dos três propulsores do foguetão cair a poucos metros da plataforma onde deveria ter aterrado no meio do atlântico.

Um ano depois e para levar até ao espaço um satélite de comunicações (Arabsat-6A), que vai fornecer internet e serviços de comunicações ao Médio Oriente, África e algumas zonas da Europa, a viagem repetiu-se.

Desta vez não houve falhas e o regresso a terra firme dos três propulsores aconteceu sem quaisquer problemas, minutos depois de cumprida a tarefa, escrevendo mais uma página na história espacial da SpaceX, que nunca tinha conseguido recuperar os três propulsores.

O lançamento do Falcon Heavy aconteceu às 16:35, 21:35 na hora de Lisboa, do Kennedy Space Center e 34 minutos depois estava colocado em órbita o satélite que foi entregar ao espaço.

Antes disso, oito minutos após a partida, os dois primeiros propulsores aterravam nas zonas previstas, no Cabo Canaveral. Um minuto mais tarde foi a vez do propulsor central chegar à plataforma que a SpaceX tem no Atlântico para o efeito.

A primeira missão comercial do Falcon Heavy tinha estado marcada para dia 10, mas por causa das condições atmosféricas foi adiada por 24 horas.

Aqui pode ver o vídeo completo da missão. Aos minutos 26 e 29 é possível assistir à viagem de regresso dos propulsores e à confirmação de que a missão foi bem-sucedida.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.