Depois da CES 2018, há uma outra feira internacional nos holofotes mediáticos, mas esta dedicada à relojoaria, a SIHH 2018, que reúne as marcas mais populares do sector. Entre elas está a TAG Heuer, que além de propostas mais “clássicas” apresentou as suas mais recentes apostas “conectadas”.

Um dos destaques é a nova versão do modelo Connected Modular 45, sob a denominação de TAG Heuer Connected Full Diamonds, por ser completamente cravejada de diamantes.

A caixa de 45 mm é em ouro branco polido 18K PD125 e 589 diamantes VVS lapidação baguete enfeitam o bezel (78 VVS), as hastes (16 VVS) e a pulseira (495 VVS). São 23,35 quilates no total.

De resto, as funcionalidades de smartwatch são as mesmas oferecidas na versão mais básica: sistema operativo Android Watch, ecrã AMOLED 400x400 com 287 ppi, 4GB de capacidade de armazenamento e 512MB de memória. O novo smartwatch topo de gama custa 197 mil dólares.

Além do modelo de luxo, a linha de relógios inteligentes da TAG Heuer passa a ter, a partir de agora, o Connected Modular 41, tal como o nome indica, com um diâmetro de 41 mm, ou seja, mais pequeno do que os Connected Modular 45.

O novo modelo continua a ser desenvolvido em colaboração com a Intel e com a Google. Embora mais pequeno, tem algumas melhorias face à versão de 45 mm: o ercã AMOLED 390x390 tem uma resolução de 326 ppi e brilho aprimorado - máx. 350 nits. A capacidade de armazenamento aumentou para 8GB e a memória RAM para 1GB.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.