Oitenta e sete por cento das empresas planeiam mudar para o Windows 7 e quase metade (46 por cento) pretende fazê-lo ainda antes do lançamento do primeiro Service Pack, previsto para o Verão, revela uma análise global divulgada ontem.

Os números são do último estudo da Dell Kace relativo às intenções de migração para o último sistema operativo da Microsoft entre empresas de média dimensão na área das Tecnologias de Informação (IT), que analisou as respostas de 923 responsáveis pela área de informática das organizações nos Estados Unidos, Europa e Ásia.

Os dados, recolhidos em Janeiro de 2010 (cerca de três meses após o lançamento do sistema operativo), apresentam um significativo aumento do número de potenciais clientes empresariais se comparados com os resultados registados à data da última contagem, em Abril de 2009, quando a maioria dos entrevistados afirmaram que não planeavam fazer a transição para o Windows 7 durante o próximo ano.

Também quando comparados com as intenções de migração para o Vista, apuradas em período semelhante face ao lançamento do SO, se verifica uma diferença capaz de entusiasmar a Microsoft: na altura, apenas 47 por cento dos inquiridos se mostrava interessado em mudar para o mais recente sistema operativo.

Os potenciais clientes estão agora também menos preocupados com eventuais problemas de performance do Windows 7. Os 47 por cento que mostravam esse tipo de receios, em Abril, passaram a 25 por cento no último estudo. Ainda assim, 86 por cento continuam preocupados com a compatibilidade entre software e aplicações aquando da migração.

Outra das boas notícias para a gigante de Redmond é o decréscimo da percentagem de clientes que ponderavam mudar para um sistema operativo alternativo ao Windows 7, que passou de 50 por cento em 2009, para apenas 32 por cento em 2010.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.