A AMD aproveitou o embalo da CES, prestes a arrancar, e anunciou finalmente o lançamento da sua linha de processadores Fusion com controladores gráficos integrados e por isso baptizados de APU (Accelerated Processing Unit). Por enquanto foram apresentadas apenas duas categorias de produtos destinados a portáteis e desktops de entrada e a netbooks.

Os novos chips são construídos mediante o processo de fabricação de 32nm e podem integrar até quatro núcleos de processamento x86 mais uma GPU com suporte para DX11, capaz de acelerar a reprodução de vídeo em alta-definição.

“Acreditamos que o Fusion é simplesmente o maior avanço em processamento desde a introdução da arquitetura x86, há mais de quarenta anos”, afirmou Rick Bergman, director da unidade de produto da AMD. “Num grande passo, oferecemos aos utilizadores uma experiência HD em qualquer lugar , assim como funcionalidades de supercomputação em notebooks com baterias que podem durar um dia inteiro. É uma nova categoria, uma nova abordagem que traz experiências inéditas aos consumidores”, considera o responsável.

Os Fusion APU surgem num primeiro momento em duas categorias: a E-series, destinada a portáteis e desktops, com as frequências de processamento a variarem entre os 1,5 GHz e os 1,6 GHz, e a C-Series, própria para netbooks, com opções de 1,0 GHz e 1,2 GHz.

A previsão da empresa é que as grandes fabricantes de computadores como a Acer, HP, Dell, Sony, Toshiba e Lenovo, entre outras, anunciem em breve modelos com o selo “Fusion Inside” a preços “bastante competitivos”.

As primeiras máquinas com os novos chips deverão começar a chegar às lojas ainda este mês. Para o final do primeiro trimestre de 2011 está previsto o lançamento dos primeiros modelos de tablets com a tecnologia.

A AMD adiantou ainda que está a trabalhar numa categoria Fusion para produtos mainstream (a A-Series), que começará a ser expedida ainda durante a primeira metade de 2011.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.